24 janeiro 2012

Não me permito mais


A vida me parece muito injusta ultimamente. Eu tenho é desgosto de sair olhando na cara das pessoas, todas sistemáticas e sem sal. 

Pode dizer que sou antipática, sociopata o que for. 

Me parece o seguinte: ou você fere, ou é ferida. Não existe um meio termo para a prática do viver.

Então nós fazemos esse jogo: usamos do senso de humor, pra tornar a vida mais atraente e menos dolorida... 

E quanto mais te derrubam, mas você ri. Isso veste bem para quem sabe lidar com essas coisas, eu sinceramente não sei.




Nenhum comentário:

Postar um comentário